quarta-feira, 20 de setembro de 2017

FORMAÇÃO ESPECÍFICA PARA TREINADORES DE HÓQUEI EM PATINS - AP PORTO: 1,2 UC


A Associação de Patinagem do Porto, informa todos os treinadores de hóquei em patins que irá levar a cabo uma Formação Especifica, creditada pelo IPDJ. 

Datas/Horas: 29 de setembro de 2017 – das 20:00 às 24:00 horas e 30 de setembro de 2017 – das 09:00 às 13:00 horas

Local: Sede da AP Porto

Tema: Monitorização do Treino Desportivo, hóquei em patins

Unidades de Crédito: 1,2

Preletores Prof. Miguel Camões e Prof. Hélder Antunes

Convidados: Carlos Amaral, Selecionador de Inglaterra de hóquei em Patins; Dr. César Leão, Nutricionista do Paços de Ferreira, Mestre em Treino Desportivo; Dr. Bruno Matos, S&C Coach, Mestre em Treino Desportivo.

Objetivos: Promover a Formação continua de Treinadores Hóquei em Patins; Dotar os treinadores de conhecimentos nas diferentes dimensões da conceção do treino de hóquei em patins – estruturação da prática (masc. e fem.); 
Discutir modelos de periodização e planeamento; Descrever critérios de observação, determinantes de performance e deteção de "talentos"; 
Discutir o planeamento e periodização do treino de força em jovens hoquistas.

Valor/Inscrição: 10,00 €. Pagamento na secretaria da APP ou antes do início da Ação. Inscrições limitadas a 90 participantes.


Impresso para a inscrição: Clicar na imagem seguinte e descarregar a circular n.º 007/2017


sexta-feira, 15 de setembro de 2017

FORMAÇÃO PARA TREINADORES DE HÓQUEI EM PATINS

Formação Online - 2,6 UC

Para mais informações clique na imagem

https://www.treinadores.pt/pt/informacoes/noticias/398-formacao-online-para-treinadores


Formação em Coimbra: 7 de outubro 2017 - 1,6 UC

Para mais informações clique na imagem


Formação em Turquel: 1 de outubro 2017 - 1 UC
Formação no Porto: 5 de outubro 2017 - 1 UC
Formação em Vila Real: 14 de outubro 2017 - 1 UC

Para mais informações clique nos links




Informação acerca da declaração de Tutor de Estágio para efeitos de revalidação do Título Profissional de Treinador de Desporto

Clique na imagem



Para aceder a todas as formações acreditadas para a renovação doTítulo Profissional de Treinador de Desporto

Clique primeiro na imagem e posteriormente em 

Lista de Ações de Formação Contínua Certificadas - Consultar


sexta-feira, 1 de setembro de 2017

O HÓQUEI EM PATINS E O CANADÁ


Muitos olham para a América do Sul como um alvo apetecível para a “expansão”/”aposta” da internacionalização do hóquei em patins.
Eu, sou da opinião que devemos olhar mais para cima e ir à América do Norte, concretamente ao Canadá. Ideia disparatada? Sim, pode ser, mas vendo os prós e os contras, os prós ganham aos contra.
O Canadá é o país do hóquei no gelo (sobretudo no inverno) e do lacrosse (sobretudo no verão). Curioso é que ambas as modalidades se jogam com um stick e um bastão (similar ao hóquei). Será que dá para entender que os canadianos gostam de desportos onde se utilizam um “objecto” para manusear a bola? Penso que sim. Falta aqui encaixar uma modalidade que dê para ser disputada ao longo de todo o ano. O hóquei em patins pode ser essa modalidade.
O potencial económico do Canadá é imenso. Fazem parte do G8, uma das nações mais ricas do mundo. Estão divididos em 10 províncias, o que até pode ser bom para a tentativa de implementação de uma nova modalidade forte. Facto é também no Canadá que existem em quase todas as modalidades uma liga profissional, não fazem a coisa por menos. Têm menos modalidades que muitos outros países, mas as que têm, são profissionais. Que assertivo seria haver uma liga profissional de hóquei em patins no Canadá.
A juntar a tudo isto, falamos de um país com cerca de 36,29 milhões de habitantes, com uma área terrestre que é a quarta maior do mundo, onde as principais cidades são Toronto, Montreal e Vancouver. Provavelmente as melhores cidades para apostar na implementação do hóquei em patins. Um dado curioso e pertinente é que por exemplo em 2016 haviam 550.000 luso canadianos (cerca de 2% da população).
Para terminar e não menos importante é o facto do Canadá possuir imensas fábricas de fabrico próprio de material de hóquei no gelo. Fabrico este que pode ser perfeitamente adaptado ao fabrico de material de hóquei em patins.


Publicação de índole pessoal, que provavelmente só terá concordantes dentro de uma ou duas décadas…

Hélder Antunes